Pular para o conteúdo principal

Vinho e suas magias de espaços e rituais

Foto Elenara Stein Leitão
Comentava com amigos como o vinho envolve que o tornam tão mágico. Era sobre um programa que mostrava as cantinas mais fascinantes da Europa. Desde as lavas do Vesúvio às colinas da Alemanha, passando pelas vindimas e toneis de carvalho, tudo tão requintado e ao mesmo tempo tão bacante.

O Vinho é para mim altamente inspirador.  E não costumo exagerar. Uma taça por dia. Talvez se duas se bem acompanhada. Não mais preciso para ser tocada pela magia de Baco e me inspirar pela Vida. A que acontece quando nos deixamos levar. Quando nos arremessamos na alegria e no êxtase.

Afinal o vinho é sagrado, é profano, é simbólico!. E quando o clima esfria e o dia dos namorados se aproxima, mais o clima de sedução entra em jogo. E não o fake, aquele armado pelo comércio para render boas vendas, mas o velho e bom jogo que une olhares, traz um frio na espinha e faz o coração vibrar em sintonia com o universo.

Mas não pensem que os rituais prescindem de regras. O uso de um bom decanter pode ajudar na degustação. E mesmo antes, há que se atentar para como guardar a bebida. E as adegas devem ser bem pensadas para que as garrafas fiquem em condições de temperatura e espaço que preservem suas características marcantes.

Primeiro as condições do espaço. Deve ser um local, de preferência protegido de tráfego (vinho é vivo, lembre-se), da luz e deve ser arejado. Nada de local quentes ou muito frios (ideal que fique entre 12 a 20 graus) e sem odores. O vinho é muito delicado, como todas as boas coisas da vida e deve ser guardado com amor e cercado de cuidados. (Fonte)

Mas as regras existem até para serem quebradas, não é verdade? Adoro tomar vinho em belas (e frágeis) taças de cristal. Daquelas que eu corro para lavar antes que alguém coloque a mão, por medo de que as quebrem....Por isso quando vi um vídeo em um whatsapp com esse produto aí de baixo, sabem que achei bem interessante! Falo por experiência própria que já tomei vinho em copo de plástico e ia amar ter uma taça dessas para acoplar em um garrafa. Deve ter um dispositivo para vedar, mas amei a ideia de popularizar um pouco o ritual...Podem achar AQUI.

Fonte
Vai dizer que não é divertido??? Essa postagem sobre o vinho começou por causa do Dia do Vinho que é na verdade uma semana. Tem vinho no jornal, tem vinho na minha TL. Mesmo que eu não gostasse de vinho, a mídia e os algoritmos iam me convencer a experimentar ao menos uma tacinha....
Fonte
Tudo bem. Sucumbiram às propagandas. E agora? Como harmonizar o vinho com arte??? Leiam AQUI onde em um "texto leve e bem humorado, o mestre Schiffini fala sobre harmonização de vinhos."
Fonte
E para completar uma recordação de alguns projetos de lojas e vinícolas que já passaram por aqui:

1- Projeto de Jones Studio a Thurston Wine House. As construções parecem brotar da terra, parecem fazer parte dela e é como se a gente fosse ali para meditar. Ou apenas sentir-se. E os espaços vão se revelando quase como vinho se revela. De maneira sublime. Leia mais AQUI
Fonte
2- Um projeto bem bacana de uma vinícola chilena, projeto do escritório Claro Arquitetos. A ideia? Uma sala para degustar bons vinhos e aproveitar a vista dos vinhedos. Leia mais AQUI
Fonte
3- Uma loja de vinhos com um projeto muito original em Zurique, a Albert Reichmuth Wine Store, projeto do escritório OOS. Leia mais AQUI
Fonte
4- E como é super recomendável que não se beba em jejum, um projeto que mostra uma loja que vende pão e vinho. Leia mais AQUI

E para terminar (e agora de verdade) ainda tem dicas de como aproveitar as embalagens dos vinhos AQUI.

Gostou? Compartilhe e nos siga também nas redes sociais

Twitter Flipboard Facebook Instagram Pinterest
snapchat: arqsteinleitao

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

10 ideias de almofadas e afins para gateiros

Festas....fiquei aqui arquitetando postagens bem suaves e lindas para esses momentos. Hoje resolvi brindá-los com 10 adoráveis ideias para almofadas, pesos de porta, mobiles e outras utilidades para amantes de gatos.

Nós, os gateiros, somos uma população em ascensão no mundo. Esses seres peludos, cheios de personalidade e amor próprio nos arrebatam. Adoramos mimá-los. E eles adoram que a gente os mime....uma parceria perfeita

1- Petit Pois e gatos. Uma dupla perfeita. Ambos sempre elegantes e cheios de charme! 
2- Mobile. Adoro! Mesmo já crescida, acho que não precisam ser só adorno de quartos infantis (meu lado criança, fazer o que????). Esse aí de cima, por exemplo, achei um mimo. 
3- Quem não ia querer entrar nessa casa tão felinamente convidativa??? Quero um para a minha porta! 
4- Patchwork e gatos!!! Tudo a ver também. lembra borralho, fogo, casa da vó e tudo isso lembra aconchego. E nada mais aconchegante que a figura de um gato, pachorrento, deitado ao pé do fogo. (Gateiros enten…

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

Organizar. Sempre um desafio na hora de planejar móveis e espaços. E um dos locais onde mais precisamos de locais coringas para guardar coisas são nas nossas cozinhas. 
Haja gavetas, nichos, cantinhos que podem ser aproveitados para os mais diversos usos. Separei algumas ideias para inspiração Aproveitando rodapés: Muitos colegas tem optado por fazer os rodapés de armários de cozinha em alvenaria e revestir a frente com pedras ou cerâmicas. É uma solução pratica principalmente pela limpeza e umidade. Mas se sobrar espaço e a opção for usar rodapés, eles podem ser usados para guardar várias coisas. (Confesso que não sei se são o melhor local para guardar vinhos, mas quem sabe...)   Porta trecos e panos de prato: Eles são super práticos porque aproveitam espaços pequenos e estreitos e guardam aquelas coisas meio feias quando ficam à vista. Não recomendo guardar panos de prato úmidos. E esse porta facas abaixo, ao lado do fogão, é super prático!  
Outro exemplo de aproveitamento de canto par…

A prática do urban sketching - recomendação de livro

Um dos hábitos mais prazerosos da vida é viajar, mesmo que seja na própria cidade. Percorrer caminhos com calma, caminhar e parar, olhar e registrar. Não apenas com o celular, mas também com as mãos. Acha complicado? Pois este pequeno grande guia vai facilitar bastante esta fascinante descoberta da prática do desenho urbano (urban sketching).

O livro tem um formato quase de bolso, é ricamente ilustrado e super didático, com páginas em branco para exercícios práticos, após cada explicação. É um excelente companheiro de passeios e pode ser utilizado sem contra indicações e sem parcimônia. Na versão brasileira não vem acompanhado de canetas (nem sei se vem em outra versão, mas vi a recomendação e repasso). Mas fiquei tão fascinada que, além do lápis comum, comprei quatro canetas artísticas PITT pretas para treinar.   
O que é urban sketching? Existe uma organização chamada de Urban Sketchers com regras e com um blog onde as pessoas podem publicar seus desenhos. Eles organizam encontros …

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Aproveitando nichos para decorar sua casa ou seu escritório. 

Veja algumas ideias interessantes de como fazer desde pequenos detalhes que enfeitam até aproveitamento de vãos que guardam objetos e auxiliam na organização.

Simplicidade:A elegância mora nos detalhes e na síntese. Um rasgo bem usado, sem maiores excessos, apenas salientado pelo uso de cor e pequeno detalhe em madeira. Atentem para a iluminação nas laterais e em como o rodapé acompanha o rasgo.