Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2018

Arquitetando 2019

Parece que cada recomeço de ano implica em novas resoluções. Como se o caminho que se trilhou pudesse ser "reiventado" e reescrito.
E pode!
Já disse o poeta que é dentro de cada um de nós que o Ano Novo se faz.
Das palavras que elejo para 2019, a principal é reinventar.
Um novo tempo de desafios se aproxima, com tempos talvez turbulentos, mas também cheios de aprendizado.
Aprendizados pessoais que o profissional que não crescer como pessoa acaba por se afastar do mais belo de sua profissão: a interação com o cliente e com os seres humanos que convivem consigo durante os momentos de trabalho.
Aprendizados profissionais que a Arquitetura como todas as outras profissões se reinventa a cada dia em ferramentas que facilitam o trabalho e a criação.
Foi-se o tempo em que bastava uma ideia na cabeça, uma prancheta, papel e lápis. 
Hoje se necessita de interação digital, de meios de comunicação muito rápidos, de máquinas potentes que acompanhem a velocidade da criatividade. E por vezes a imp…

Você já pensou em cultivar uma cadeira? Veja como

Dentro da linha de Arquitetura Viva que tratei no último post do Arquitetando Ideias, que tal começar a pensar em cultivar seus móveis? Sim, é o que fez a empresa Full Grown para produzir cadeiras "vivas" em série.

Procurando reduzir o desperdício de energia e material na produção de cadeiras, o designer Gavin Munro desenvolveu essa técnica não apenas para um único objeto, mas de maneira que possa ser produzida em escala. Em um pomar com 500 árvores ele faz com que cresçam em formas, não apenas reduzindo a pegada de carbono e consumo de energia na produção do móvel mas também emitindo oxigênio durante o processo. 

Você deve estar se perguntando sobre o tempo de produção. Dependendo da madeira pode levar de 3 a 10 anos! Mas tudo na vida tem um preço e a paciência para ver seu produto amadurecer e crescer pode ser parte de uma experiência muito enriquecedora.

Fotos: Full grown
Saiba mais AQUI




Gostaria de saber sua opinião sobre este e outros projetos do blog: sinta-se a vontade par…

Círculo da Vida - arquitetura viva

Imagine uma série de construções que sigam o ciclo da natureza de vida, que possam crescer, florescer e fenecer como qualquer organismo vivo. É a ideia por trás da Arquitetura Viva ou botânica construtiva como alguns chamam. Falei sobre este conceito em Arquitetura Orgânica.
E enquanto pesquisa o site dos arquitetos do Obvious Avoid (falei sobre eles na postagem sobre ensinar crianças a pensar como arquitetos) encontrei essa proposta do Círculo da Vida que eles mesmos descrevem como "uma coleção de construções sustentáveis ​​feitas para celebrar a arte, a natureza e a ciência. "
Através de um centro de aprendizado a ser feito em uma floresta mexicana, as pessoas poderiam participar e compreender a natureza em todos os seus processos, tanto de vida como de morte. E onde o local não será apresentando como uma proposta fechada, mas como um processo em crescimento natural.
Os sete passos do ciclo proposto são:
Encontrar e recolher árvores caídasConfeccionar produtos de madeiraUsar p…

Ensinando as crianças a pensar como arquitetos

"O design é a tomada de decisões e a resolução de problemas, e essas duas coisas são muito relevantes para a vida cotidiana".Edith TseSempre defendi a ideia de que o estudo do espaço devesse fazer parte da grade básica de ensino desde a infância. Mais do que fazer as maquetes de casas e ruas, o aprender como se tomam as decisões que formarão os lugares onde vivemos. Utopia? Várias pessoas acreditam que não. E estão agindo. Veja como. 

Saiba como o Google vai aprimorar acessibilidade aos cadeirantes nas cidades

Li um artigo bem interessante sobre uma nova funcionalidade que o Google está testando em algumas cidades, mas que pretende lançar em âmbito mais geral, que é o mapeamento de locais acessíveis para cadeiras de rodas.

Arquitetando parabéns no dia do Arquiteto e Urbanista

O dia 15 de dezembro foi escolhido para o Dia do Arquiteto e Urbanista e data de fundação do CAU em homenagem ao arquiteto e urbanista Oscar Niemeyer que faria aniversário nesta data. Por mais polêmica que seja sua obra, endeusada por uns pela magnificas formas que criou e criticado por outros justamente pela ênfase nas formas e menos na funcionalidade ou outros aspectos tão importantes quanto, quando se fala em arquitetura brasileira o primeiro nome a ser lembrado será quase sempre o dele. O CAU ao ser criado lhe deu o registro profissional número Um já que ele mesmo foi um dos grandes defensores da criação de um conselho próprio que só veio a ser realidade em 31 de dezembro de 2010, pela Lei 12.378.

Cortina urbana que limpa o ar

Uma cortina urbana que limpa o ar! É o que criou a empresa londrina ecoLogicStudio em colaboração com a Climate-KIC. Chama-se Photo.Synth.Etica e é feita com algas que conseguem capturar e armazenar o dióxido de carbono.


Um prédio na Irlanda foi envolvido pelos módulos da cortina que funcionam como  fotobiorreator, utilizando a luz do sol para alimentação das algas no seu interior. A captura é equivalente a de 20 árvores grandes.
Saiba mais AQUI
Gostaria de saber sua opinião sobre este e outros projetos do blog: sinta-se a vontade para comentar.

Nos siga também nas redes sociais

TwitterFlipboardFacebookInstagramPinterest
Fotos: NAARO

Usando a nuvem para renderizar seu projeto

Sabem aquelas imagens super realistas que parece que seu projeto está pronto de verdade? A gente chama de render e para os arquitetos significa : [Informática] Tornar uma imagem sólida e tridimensional (3D), por meio de técnicas de contorno de imagem, com alteração de cor, luz, sombra, contraste ou fazendo uso de outros recursos gráficos. Etimologia (origem da palavra renderizar). Por influência do inglês rendering. FonteE aquelas imagens que o profissional apresenta e que enchem os olhos dos clientes tem um custo imenso em horas de trabalho e uso das máquinas e memórias...Não imaginam a paciência que se necessita enquanto complexos cálculos transformam linhas em vida!

Mas parece que nossos problemas vão acabar...curiosos???

Espaço claro, fluído com toques de vida em cor

Um espaço muito claro, quase monocromático, com toques divertidos de cor (amarelo) onde os espaços fluem de maneira harmoniosa, sem muitas barreiras e sem excessos. 

Loft pequeno e com projeto bem elaborado

Estes dias sonhei com um amigo e seu apartamento. E como todo sonho de arquiteta, os detalhes são muito bem idealizados. Era um espaço pequeno mas cheio de móveis desses com múltiplas utilidades. A gente abre uma porta e acha um banheiro, puxa uma gaveta no chão e surge uma cama!

Já mostrei aqui vários desses projetos, alguns como este que exibem uma marcenaria mais elaborada. Outros onde pequenos detalhes bem trabalhados ajudam a aumentar o espaço.

Aqui temos um loft de 45 m², localizado em Amsterdã, e com um projeto do escritório de arquitetura Heren 5  e colaboração do designer Paul Timmer.

7 ideias simples para decoração de Natal

Já dezembro mas ainda sem muito clima natalino, procuro referências para me entusiasmar com a velha e boa esperança de que tudo pareça lindo em maravilhoso e as pessoas tenham boa vontade umas com as outras. Não custa, né, afinal é o mês do Papai Noel e se ele não existir como figura concreta no mundo real, não deixa de ser como muitas amizades virtuais que aparecem de vez em quando e nos enchem de pura alegria.
Já um pouco cansada das pesquisas no mesmo indexador de busca e naquele site de imagens, fui buscar dessa vez no DuckDukGo que diz ser uma maneira de pesquisar com um pouco mais de privacidade, sem que se seja bombardeado por anúncios após. E até para testar se aparecem imagens diferentes, mais afim com o que pesquiso e não tanto com o meu perfil na rede que faz com que os algoritmos se sintam no direito de escolher o que me serve ou não. 
Enfim, achei sete sugestões de decoração econômicas e simples para festejar o Natal.

Banco Raiz, uma escultura no mobiliário urbano

Uma belíssima escultura urbana serve de mobiliário sobre a grama de um parque em Seul. Ele é tão belo que parece ser obra da própria natureza.