Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2019

As cidades devem proteger os direitos humanos

Tempos estranhos os que vivemos, onde a expressão direitos humanos causa espanto em alguns que a adjetivam, como se fosse possível não entender o significado amplo, geral e irrestrito : " Os direitos humanos incluem o direito à vida e à liberdade, à liberdade de opinião e de expressão, o direito ao trabalho e à educação, entre e muitos outros. Todos merecem estes direitos, sem discriminação." (Fonte)Isso significa que são "direitos inerentes a todos. Independentemente de raça, sexo, nacionalidade, etnia, idioma, religião ou qualquer outra condição."
E como grande parte da humanidade vive em comunidades urbanas, torna-se premente que as cidades, e seus gestores, impulsionem e protejam os seus cidadãos (todos eles). Nos locais onde isso não acontece, existem danos que são muito prejudiciais à saúde tanto física como mental, não apenas da população, como das próprias comunidades. 

Foi com essa preocupação que Frédérique Hanotier criou uma plataforma digital para promover…

Ideias de 19 objetos usando rolhas de vinhos

Adoro beber vinhos. Acho uma bebida elegante e para mim não existe época do ano para degustar um bom tinto. Pode estar fazendo 30 graus, que um cálice com um bom tira gosto me faz muito feliz. Tenho também o hábito de guardar as rolhas. (Eu e muita gente...). E fazer o quê com elas, além de guardar em potes? É o que mostro abaixo com uma série de sugestões, das práticas ás bizarras. Ou menos usuais.

1- Expresse seu amor aos vinhos com um clássico coração.

2- Com um pouco de cortes estratégicos, as rolhas montam vasos bem bacanas.
3- Faça a alegria dos passarinhos com casinhas cheias de estilo.
4- Literalmente vista as rolhas! Talvez não seja um traje usual, mas em uma ocasião especial, quem sabe...
5- Descanso para os pratos gostosos que vão acompanhar o vinho.
6- Simpáticos bichinhos para divertir a mesa.
7- Um grande mapa mundi. E se for detalhista, as rolhas podem acompanhar a origem dos vinhos.
8- Imã de geladeira. Com direito a customização para colocar flores e lápis.
9- Quadrinhos onde …

Drones para construir abrigos de emergência

A tecnologia pode ser usada de diversas maneiras. Os drones, por exemplo, podem invadir sua privacidade e também construir abrigos de emergência, como faz a arquiteta francesa Stéphanie Chaltiel com seus drones que pulverizam lama. 
Com vasta experiência com arquitetos renomados como Bernard Tschumi eZaha Hadid, a arquiteta também se dedica ao estudo de materiais e técnicas sustentáveis para habitações, entre elas a construção com a terra.
Habitações de emergência são importantes em ocasiões de desastres, naturais ou não, ou mesmo em épocas de guerras nos tantos campos de refugiados que infelizmente vemos no mundo. Obviamente que são construções precárias que tem a função de resolver temporariamente uma situação limite. O método de construção do abrigo é fazer uma estrutura em madeira e sobre eles montar sacos de feno. Sobre eles os drones pulverizam uma mistura de argila e fibras, em um processo que a torna resistente e feito em alguns minutos.
Uma experiência com materiais facilmente en…