Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2019

Um banheiro zen para chamar de seu

Esses dias uma amiga do twitter me perguntou sobre ideias para banheiros zen femininos. Confesso que não costumo pensar em tons rosas para locais de banho de garotas e mulheres (embora, sim, já tenha feito mais de um assim).

Mas banheiros zen...achei altamente inspirador. Locais com ampla luminosidade, seja natural ou artificial em último caso. Uso de materiais naturais (mesmo que sejam fakes) como a madeira. E verdes!
Mesmo em banheiros menores pode-se conseguir um belo efeito mesclando materiais claros com pastilhas verdes, como no exemplo abaixo.
E o efeito relaxante pode ser conseguido com cascatas de água. Um detalhe pequeno e relativamente fácil de ser executado, transforma o ambiente em uma sala de banho.
Um pequeno jardim faz também uma grande diferença. Em casas é mais fácil de se conseguir esses espaços abertos. Em apartamentos uma imagem de jardim também faz um efeito calmante.
Na falta absoluta de espaços, usar de ornamentos que remetam à paz e tranquilidade também ajuda a cria…

Walkability, estudos para um caminhar com mais acessibilidade

Caminhar faz bem e é recomendado por quase todos os médicos e manuais de boa saúde.
Caminhar nas grandes cidades nem sempre é um exercício assim tão saudável.
Desde a questão segurança que nos tolhe a vida cotidiana até as condições das calçadas urbanas que nos fazem ter torcicolos e perder o hábito de andar de cabeça erguida para não corrermos o risco de um acidente urbano. 

Construir cidades saudáveis com ruas e equipamentos urbanos que auxiliem na promoção da saúde é uma necessidade dos planejamentos urbanos atuais. Estamos cada vez mais conscientes de que não podemos depender tanto dos meios de transporte individuais tanto pela questão da poluição e gasto energético, como pela necessidade de praticar exercícios mais regulares, entre eles a caminhada.

Existem várias práticas sendo propostas como exercícios de conhecimento da cidade que usam a caminhada como ferramenta, vejam em caminhar e parar como se dá esse aprendizado de reconhecer não apenas a cidade, mas o outro que a habita. Eu …

Espaços para proteger a virtude - banheiros femininos

Nas minhas pesquisas achei este texto bastante interessante tratando da ascensão e queda dos banheiros femininos  e de como os espaços em geral muito glamourosos eram feitos para não apenas facilitar a vida das mulheres de então, mas também concebidos dentro de uma lógica de que o lugar do público feminino era a casa e portanto esses espaços públicos também deveria proteger a virtude. 
"Estava enraizado na ideia de esferas separadas: o lugar das mulheres estava no lar e o dos homens estava do lado de fora, em público. Assim, quando as mulheres da classe média se aventuravam em público por períodos prolongados - quando iam ao teatro, por exemplo - pensava-se que precisavam de um espaço privado, seguro e segregado por gênero próprio, que parecesse e funcionasse como parte de sua vida"E mesmo quando a tecnologia da época permitiu que se fizessem grandes espaços de higiene em prédios públicos, a lógica de separação de gênero continuou a ser adotada. Como é até hoje.
"Nos ano…