Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2022

Perdemos bibliotecas públicas e com elas um futuro mais inovador

Imagem
Estes dois prédios, tão distintos, tenho na memória com afeto e gratidão. São duas bibliotecas onde passei horas preciosas pesquisando e aprendendo. A primeira é a Biblioteca pública do estado do Rio Grande do Sul , localizada em Porto Alegre, cidade onde passei anos de minha infância e onde moro atualmente. O outro é a Biblioteca Central do Campus Darcy Ribeiro da Un B, em Brasília, cidade onde morei e comecei a cursar arquitetura. A pequena que cruzava a Praça da Matriz em Porto Alegre e entrava no prédio imponente, construído na primeira metade do século XX, com projeto de Affonso Hebert, subia as escadas de um edifício escuro em que o pé direito monumental e as salas silenciosas e ricamente detalhadas guardavam tesouros que a impressionavam pela possibilidade do conhecimento. Ali li e aprendi. A jovem que iniciava o curso de Arquitetura em um campus, na época afastado de casa, passava os dias por ali e muitas vezes se refugiou nas imensas salas do recém inaugurado palácio do saber,