MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Um jardim urbano multi-sensorial - Zighizaghi

Cada vez mais tomamos consciência de que as cidades devem acolher e proporcionar bem estar às pessoas. E é com essa visão que surge o Zighizaghi, um jardim urbano multi-sensorial com 320 m2, projeto de OFL Architects juntamente com a Milia Arredamenti e Farm Cultural Park. 

Favara é uma comunidade na Sicília, Itália, que recebeu esse equipamento urbano que é inspirado nas formas das colmeias e que se compõem de elementos horizontais e verticais:


  • Os primeiros são módulos de madeira que podem ser dispostos de variadas formas e que servem inclusive de apoio para sentar e conviver. 
  • Os verticais atuam como elementos dinâmicos. Seis elementos prismáticos em tom vermelho emitem músicas quando uma pessoa interage com sua estrutura e o som é ouvido através dos alto falantes no topo. 


A vegetação, especialmente selecionada para o local, é mantida por um sistema automático de regas. Árvores frutíferas, ervas aromáticas e flores complementam um espaço público que convida ao convívio.

Fotos / Giuseppe Guarneri e Riccio Blu






Leia também: Vamos reconquistar as cidades para nós?












(Via)
Nos siga também nas redes sociais


snapchat: arqsteinleitao  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 motivos para NÃO fazer arquitetura