MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

5 ideias para fazer um escritório agradável para trabalhar

Um título desses tinha que me chamar a atenção e fui ler o que Mark Hirons tinha a propor para projetar ambientes de trabalho que sejam agradáveis, saudáveis e que integrem de maneira harmoniosa cinco princípios que tentarei resumir abaixo:

1: PROMOVER MOVIMENTO INTENCIONAL

Nada de ficar passivo o dia inteiro, sentado e teclando. Já aprendi nas aulas de ergonomia que é necessário que a gente faça intervalos para se movimentar. Justamente o que alerta nosso especialista:  "Alteração de postura e movimento a cada 20 minutos". Oferecer condições para essas mudanças de postura assim como locais de encontro ou de repouso é uma das premissas. Ele salienta o uso de elementos modulares flexíveis como uma boa maneira de promover isso. A ideia básica é fazer uma ambientação que propicie a mobilidade e o movimento pelo espaço propiciando um ambiente rico e vibrante que incentive interações entre as pessoas e criem condições para que essas andem pelo espaço. 
Escritório - areas de encontro

2: APRENDENDO COM OS CAMPUS: PLANEJAMENTO DE DESTINO


Segundo ele, uma boa dica seria se espelhar em conceitos de organização de campus universitários e seu planejamento estratégico de destinos, com setorização de atividades. Levando ao ambiente corporativo teríamos a "criação de um centro de conferências, espaços de recursos/inovação, salas de atividades físicas e/ou uma refeitório com ofertas de alimentos saudáveis", tudo isso disposto de maneira a favorecer uma circulação dinâmica das pessoas. Os espaços de trabalho também devem seguir a mesma lógica que facilite o movimento. E a oferta de espaços ao ar livre, seja pela localização das empresas, seja por espaços nela inseridos. 

Escritório - refeitórios

3: COMPREENDER OS PADRÕES DA BOA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL


Focar em estratégias que privilegiem padrões de construção e design que sejam ambientalmente mais coerentes com os nossos desejos e metas de um planeta mais sustentável deveria ser um dos pontos a implementar em um projeto corporativo. Existem variados estudos e cuidados com a qualidade de ar, economia, alimentos servidos, iluminação, conforto físico e mental em que as organizações podem se pautar nas exigências de seus projetos.

escritório - foco sustentabilidade


4: USAR MATERIAIS SAUDÁVEIS

Segundo o autor, os materiais que selecionamos para nossos ambientes físicos impactam em nossa saúde. Entender essa importância e escolher profissionais e escritórios que orientem na decisões de escolha para que sejam as mais corretas e que auxiliem na saúde do funcionário é uma boa decisão de empresas. 
Escritórios - escolhas de materiais sustentáveis

 5: PENSAR DE FORMA HOLÍSTICA: CONSIDERE SAÚDE MENTAL

Um ponto que achei super importante. Não focar apenas no bem estar físico, mas também na saúde mental e emocional do trabalhador. E um dos pontos fundamentais para isso é proporcionar luz natural. Ele aponta no artigo uma pesquisa de 2014 que concluiu que "os trabalhadores de escritório com mais exposição à luz natural no escritório dormem melhor, com melhor qualidade de sono, mais atividade física e melhor qualidade de vida em comparação com os trabalhadores de escritório com menor exposição à luz". Isso naturalmente influencia diretamente na produtividade no trabalho.

A criação de espaços sociais de encontro também é apontada como fator importante de saúde mental, assim como propiciar locais de descanso mais tranquilos. Ele enfatiza também que a criar condições para que as pessoas possam se concentrar em suas tarefas também ajuda na concentração e produtividade.


Escritórios - espaços de descanso

Já abordei aqui no blog vários espaços de trabalho corporativo com esses enfoques, as figuras que usei no texto vieram dessas postagens. Há muito já passou o conceito de que trabalho repetitivo e monótono é o padrão da produtividade. Proporcionar condições de trabalho mais ricas, com atenção a detalhes que façam os funcionários se sentirem melhor, resultará em ganhos para as empresas em forma de trabalho mais focado e pessoas mais saudáveis.   



Curta no Facebook  Assine no Flipboard 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros