Publicidade

Postagem em destaque

10 Lições que aprendi na faculdade de Arquitetura

Recebo algumas correspondências falando de como os leitores gostaram dessa ou de outra postagem aqui do blog. E sempre fico super feliz! É ...

2015/01/05

Um Call Center que não é um inferno para trabalhar? Veja aqui

Como assim, um call center que não é um sala cheia de ilhas onde pessoas ficam enlouquecidas em seus postos? Ao contrário, um espaço hiper diferente e criativo, jovem, aberto. Aliás aberto não só em termos de espaço, mas de como ocupar esse espaço. Isso é o  escritório Airbnb Portland, um projeto de Aaron Taylor Harvey e Rachael Yu. 


A Airbnb é um serviço que conecta pessoas que viajam à pessoas que alugam seus espaços. É um pouco mais que essa simples descrição e é onde trabalham cerca de 200 funcionários que vamos conhecer aqui. O serviço que a empresa oferece inclui uma equipe de "concierge virtual" que soluciona eventuais problemas que surjam na locação. Creio que a ideia seria proporcionar realmente uma experiência única e proporcionar experiências de viagens prazerosas para quem viaja. E renda para quem loca. 

 
 Cuidadosamente estudado e construído baseado em padrões comportamentais de como funciona o serviço, para que as equipes de trabalho possam andar livremente pelos espaços, com seus laptops e fones de ouvido. E para tornar tudo mais interessante e interativo, a equipe de designers recriou vários locais memoráveis da própria empresa. Segundo eles, isso cria uma conexão emocional com o serviço que fazem.

Os espaços foram projetados de tal maneira que facilite a interação e o compartilhamento de informações, o que ajuda a solucionar mais facilmente os problemas dos clientes.

 

Desde locais onde possam deixar seus pertences, cantos e recantos onde possam estar consigo ou com poucas pessoas à uma variedade de espaços mais amplos e públicos. Como diz Harvey sobre a percepção dos funcionários estudados : "Você quer uma caverna, mas você também quer uma vista". E também previram a possibilidade de que as equipes pudessem personalizar suas salas de conferências, trazendo a noção do espaço privado para o público e o tornando mais deles.

Fonte
Fotos : Jeremy Bittermann 

Quer mais ideias de escritórios e locais de trabalho mais criativos? Veja em onde você trabalha melhor
E AQUI mais ideias de escritórios 

Comentários
0 Comentários

0 Opiniões:

Publicidade

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More