MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Casa de cortiça premiada em sustentabilidade


A Cork House, ou casa de cortiça, premiada no 
RIBA Sul de Sustentabilidade é projeto do arquiteto e pesquisador britânico Matthew Barnett Howland. Através de peças pré-fabricadas feitas de um único material bio-renovável pode-se construir uma casa sólida, montada sem argamassa ou cola e com aspecto formal que remete às antigas casas colmeias celtas.


Normalmente associo a cortiça à rolhas de vinho. Já houve épocas dos móveis revestidos com folhas desse material, mas pensar em usar resíduos da cortiça, a chamada cortiça expandida, como material único de uma construção me pareceu curioso. Não tenho certeza quanto aos custos em locais onde a corticeira não seja muito comum. Já ouvi de experts que a rolha aqui chegava a custar mais que a garrafa do vinho. Enfim, acredito que deva ser financeiramente viável, pelo menos na Inglaterra.
Segundo o site do arquiteto a Cork House é executada com junta seca para que os "1.268 blocos de cortiça possam ser recuperados no fim de construção para reutilização, reciclagem ou retorno à biosfera."

Imagens e mais detalhes no https://www.matthewbarnetthowland.com/cork-house

Gostou? Compartilhe e nos siga também nas redes sociais

Twitter Flipboard Facebook Instagram Pinterest

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros