MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Arquitetando coisas do fundo do baú

Algum tempo atrás, as pessoas usavam umas caixas imensas para levar suas bagagens. Eram tempos de mais roupas, de mais criados para carregar as tralhas de quem podia pagar. Eram tempos de viagens mais longas e menos frequentes. Talvez até por isso o volume do que se levava era bem maior. Eram os chamados baús.

Também serviam para guardar as roupas nas casas. E no meu tempo de adolescência, as mães, tias e vós ainda falavam em fazer o enxoval e guardar no baú! 

Os tempos mudaram, as ambições e guarda roupas também. Hoje se exige mais praticidade da vida, as roupas são mais versáteis, mas e o que fazer com os antigos baús? Usá-los em nossas casas, é óbvio. Abaixo algumas ideias para bem utilizá-los.


Os baús assim com aspecto rústico ficam lindos em ambientes minimalistas, fazendo um contraponto elegante com paredes claras
Baús coloridos ficam lindos em ambientes mais alegres e combinam com adornos cheios de vida.
Baús clássicos ficam belos em composições elegantes. 
Ambientes românticos e com um toque mais feminino harmonizam muito bem com baús claros.
Customizar os baús pode revitaliza-los. Uma ideia bacana é se inspirar em motivos de viagem recordando a antiga utilização dos baús. 
E podem funcionar em estilos mais rústicos e industriais como bem mostrado nessa sala de estar onde assume a função de rack para a TV. 

Fonte das imagens  http://pin.it/clBL08k

Nos siga também nas redes sociais

Twitter Flipboard Facebook Instagram Pinterest snapchat: arqsteinleitao

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros