MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Escola sustentável no Uruguai usa modelo earthship


Sincronicidades. As chamadas coincidências significativas da vida e que revelam uma energia que conecta pensamentos e/ou sentimentos comuns. É aquele pensar em alguém e essa pessoa ligar. É mais. É pescar um vídeo na web, deixar para pesquisar e uma amiga querida (a Sam Shiraishi) te mandar uma dica sobre uma escola 100% sustentável feita por quem? Pelo autor do vídeo que se tinha separado....



Já tinha falado sobre Michael Reynolds e a sua proposta de"Earthship Biotecture na postagem sobre Casas autônomas feitas do lixo.

Agora soube que ele construiu a primeira escola pública totalmente sustentável na América Latina. Ela foi feita com a ajuda de duas centenas de voluntários de vários países. Está localizada em Jaureguiberry, na costa do Uruguai.


Fonte

Fonte
Usando os princípios mostrados no vídeo lá de cima, a escola utilizou materiais reciclados. Segundo o site do Ciclo Vivo, "para um edifício de 270 m2, foram usados: dois mil pneus, cinco mil garrafas de vidro, dois mil metros quadrados de papelão e oito mil latas de alumínio."  A escola vai usar energia solar, coleta de água da chuva e hortas para produtos orgânicos.  


Mais detalhes podem ser vistos no site Una escuela sustentable” onde fica evidenciado o modelo de escola e aprendizado que se pretende implantar ali:

Esta escuela, de Modelo Rural, permitirá a toda la comunidad vivir a diario la reutilización de residuos, el aprovechamiento de los recursos naturales y el respeto hacia el medioambiente.
A través de la vinculación con diferentes proyectos y emprendimientos vemos en esta escuela el dispositivo ideal para conectar y potenciar la educación, la tecnología y la innovación en el marco de un estilo de vida sustentable y una concepción diferente de nuestros hábitats actuales.

Fotos Divulgação

Fotos Divulgação
Uma proposta de fazer a Arquitetura com um conceito verdadeiramente cooperativo, usando materiais reciclados (na escola 60% dos materiais utilizados, o foram), utilizando a cooperação e a ajuda da comunidade. Uma bela iniciativa que, espero, floresça e dê bons frutos.

 Nos siga também nas redes sociais

Twitter Flipboard Facebook Instagram Pinterest
snapchat: arqsteinleitao

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 motivos para NÃO fazer arquitetura