MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Conteiner - pense neles como uma solução

Lá vai meu bloco vai, só desse jeito que ele sai.....lá vai nosso bloco a voltar da folia, seja do descanso, seja da festa, seja do sonho de ter feito tudo isso. Acabou o carnaval. Hora de encarar o ano que recomeça. 

Mas.....fica um gostinho de quero um recanto. Um lugarzinho gostoso e não muito caro onde me esconder da rotina. Já pensou em usar um container? 

Já falei várias vezes sobre a utilização desse retângulo de metal que serve para transportar mercadorias, as mais diversas, pelo mundo, ligando costa a costa, continente a continente. Eles têm uma vida útil determinada. E depois...depois ficam feito ferro velho. Até serem redescobertos para servirem de suporte para casas, lojas, estantes. Até pequenos prédios são feitos deles. Na verdade alguns são até bem grandinhos.

E aí você pensou: bacana! Vou viver em uma casa de lata. Feia, mas barata e com a vantagem de reutilizar algo que poderia ir para o lixo. 

Feia? Não! Vejam nos exemplos abaixo que existem muitas maneiras de aproveitá-los e de quebra ter uma casinha bem bonita. Afinal, para que servem os arquitetos, senão para enfrentarem desafios. 

Madeira misturada ao metal sempre dá um resultado bem instigante e acolhedor. E conforme as necessidades podemos ter uma cabana bem pequena ou uma casa com espaços bem amplos.
Quem disse que os espaços são necessariamente os que conhecemos desde sempre? Podemos sim ter locais que se ampliam e que nos possibilitem ler ou dormir sob as estrelas. A chuva? O frio? Nada que ferragens e encaixes não resolvam. 
Formas bem contemporâneas. 
Pequenos edifícios. 

Formas que ninguém poderia afirmar serem containeres. 
E como o conforto térmico é sempre algo a se cuidar muito com os conteineres, pensar na solução dos isolantes e dos telhados é fundamental. Soluções que permitam o ar correr ou mesmo um telhado verde podem acrescentar é muito no seu projeto.

E então? Se animou? Pense com carinho nessa solução. Pode ser a sua casa no futuro. Não muito distante. 

Fotos: Pinterest

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros