19 de jun de 2014

Arquitetura bioclimática

Parece lógico pensar em uma arquitetura que tome partido da natureza para fazer com que o resultado seja sustentável, aproveite os recursos naturais e ainda por cima seja economicamente viável. Pois o trabalho de Bruno Stagno, arquiteto chileno, está repleto de obras que privilegiam o que ele chama de arquitetura bioclimática. 


 O que é a arquitetura bioclimática?
"É a arquitetura que leva em conta o clima e os recursos locais, naturais e renováveis em suas soluções de design. Tem como approach o respeito à vida. Tem como propósito reduzir desperdícios e gastos inúteis de material e recursos naturais, a fim de preservar os ecossistemas locais e a vida no planeta"
. (fonte)

A Arquitetura com a maiúsculo deveria sempre se enquadrar nesse conceito de levar em consideração os aspectos climáticos para gerar soluções que não necessitem de condicionamentos artificiais, sempre dispendiosos em recursos naturais.

Vemos em muitas vezes em nossas cidades a reprodução de soluções usadas em outros continentes e em outros climas, fazendo com que não apenas elas não tenham uma identidade própria, como carecendo de estudos mais aprofundados do clima local o que poderia gerar soluções mais econômicas e inteligentes. Herança ainda de uma época em que a energia era farta o que fez com que os bons princípios da arquitetura ficassem relegados a um segundo plano.

Veja exemplos de seus trabalhos nas imagens e links abaixo.

Oficina Libro Libre

Oficina Libro Libre

Apartamentos Le Parc

Oficinas Pergola- TRIBU

Oficinas Pergola- TRIBU

Studio Bagno

Mais detalhes do arquiteto e sua obra AQUI 
Veja também 
Fotos - Site do arquiteto