MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Corredor, o que fazer ?

Fonte
Um espaço bem chatinho de trabalhar é o corredor. Ele não é nada, é passagem, mas ocupa espaço. E quando é grande se torna ainda pior. Na faculdade a gente tinha uma máxima de que corredor grande era projeto mal resolvido, em outras palavras, um desperdício de área.   


Alguns macetes podem ser usados para minimizar a perspectiva como no exemplo acima. Cores claras e muita luz. De preferência luz usada de forma criativa. Rebaixo do forro também ajuda a tornar o espaço mais harmonioso e parecer mais largo.


Usar de linhas horizontais também ajuda. Se não tiver espaço para aplicações em gesso, pode-se usar cores ou materiais diversos. E vejam que no exemplo abaixo foi usada a iluminação perto do piso, ela é muito importante como sinalizador e deveria ser sempre usada em casas de idosos.

Fonte

Fonte
 Se for um corredor externo ou interno com iluminação zenital as linhas horizontais podem ser feitas com vasos, fica muito simpático.


E usar um quadro negro (ou verde) em altura adequada não apenas enriquece formalmente um corredor, como faz a alegria da gurizada. Eu sou totalmente a favor de que elas tenham pelo menos uma parede para se expressar em suas casas.
Fonte
Em suma: espaços estreitos precisam ser fracionados em sua vastidão para perderem o efeito de que estão nos tragando.
Fonte

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros