MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Prevenindo riscos de quedas em ambientes - idosos

Nossa expectativa de vida vem aumentando e o número de idosos também. E é preciso que se observem alguns cuidados com as residências, adaptando algumas condições para evitar quedas, um dos mais perigosos acidentes domésticos que podem acontecer. Já escrevi sobre isso AQUI no blog. Algumas outras dicas que devem ser observadas :
Fonte


  1. Iluminação, deve ser clara pois melhora a visão e não deve haver pontos de desequilíbrio, nem pontos cegos nem muito brilhantes para não gerar desconforto. O uso de sensor de presença é muito interessante também para iluminar automaticamente os pontos de passagem e os interruptores devem estar em pontos estratégicos dos ambientes. Muitas vezes é bom prever o uso de chaves paralela, as chamada hotel, que permitem a luz ser acesa e apagada de dois pontos distintos - porta do dormitório e ao lado da cama, por exemplo.
  2. Carpetes e tapetes merecem cuidados especiais. Alguns tem que ser simplesmente eliminados. Outros trocados se estiverem com furos ou rasgos. E os absolutamente necessários devem ter uma proteção antiderrapante e se for possível até ser pregados no chão. 
  3. Móveis  não podem atrapalhar os caminhos, lembrem que idosos podem ter problemas visuais. Usar mobiliário estável e que permita que a pessoa possa se apoiar nele. Cuidar da altura, móveis baixos atrapalham a independência para levantar porque exigem maior esforço. Se possível, poltronas devem ter encosto alto para apoio do pescoço. Muitos idosos dormem nelas durante o dia e é bom que tenham proteção nesse momento. 
  4. Prateleiras devem estar em uma altura que o idoso possa alcançar sem precisar usar apoios de subida (escadas ou cadeiras) 
  5. Cuidar para que os possíveis pontos de apoio, como mesas, sejam formes e tenham bases sólidas. Mesas com apoio único central, por exemplo, são lindas, mas potencialmente perigosas para quem necessita de apoio para levantar.
  6. Banheiros. São fundamentais porque as quedas nesses locais podem ter trágicas consequências. Pisos antiderrapantes, cadeiras para banho, barras de apoio. Veja AQUI mais recomendações. Fechaduras devem ser abertas também pelo lado de fora. A chave, se houver, deve estar sempre na porta pelo lado de fora. E se possível, usar o banheiro sem fechar a porta para que em caso de queda, possa haver auxilio rápido.
  7. Campainhas devem estar espalhadas em pontos basicos da casa, como perto de camas e banheiros. Ou os idosos podem usar um celular para chamar alguém em caso de necessidade. Uma vizinha com problemas de locomoção nunca está sem o seu.


Comentários

Postar um comentário

Sua opinião é super importante para nós ! Não nos responsabilizamos pelas opiniões emitidas nos comentários. Links comerciais serão automaticamente excluídos

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros