27 de abr de 2008

Quereres

“… há sem dúvidas quem ame o infinito, há sem dúvidas quem deseje o possível , há sem dúvidas quem não queira nada. Há 3 tipos de idealistas, e eu , nenhum deles. Porque amo infinitamente o finito, porque desejo impossivelmente o possível, porque quero tudo , ou um pouco mais , se puder ser, ou até se não puder ser … “

“Eu que me agüente comigo e com os comigos de mim”


(Fernando Pessoa)