8 Tiny cabanas para inspirar sua alma

Imagem
Na esteira das mudanças de anseios pelas quais passa a humanidade, vemos o incremento das chamadas " tiny houses ". Tiny vem do inglês muito pequeno, e assim foram batizaram casas ou cabanas com pouquíssimo espaço e muito aproveitamento. Seja para casas de veraneio, espaço de trabalho ou mesmo para residir, a experiência de viver apenas com o indispensável, parece ser das tendências mais interessantes dos tempos atuais. Até porque contrapõem de maneira bastante enfática toda uma sociedade de excessos em consumo e usos. Separei aqui 8 exemplos de tiny cabanas que são altamente inspiradoras para alimentar essa ideia de forma prática. Muitas delas são vendidas como forma pré-fabricada.  A primeira delas é  aVOID . Com 8 metros quadrados, o jovem arquiteto Leonardo di Chiara projetou uma pequena casa, inspirada em barcos de sua infância.   Pode ser acoplada a um trailer e, por meio de dobragens consegue múltiplas possibilidades de uso. E ainda conta com um mirante/janela na parte

Newsletter da ABD

Comportamento do cliente na hora da compra

o processo de compra passa por vários estágios, afinal é um investimento grande que reflete no cliente como uma série de avaliações:

1) perceber a necessidade pessoal em comprar um imóvel;

2) buscar informações;

3)avaliar as alternativas disponíveis no mercado;

4) decidir comprar;

5) pós-compra.

Em todas essas etapas, existem a preocupação e a idealização do ambiente que será construído no imóvel comprado. Um estudo realizado pela Arquiteta Elenara Leitão, de Porto Alegre, analisou o comportamento do consumidor de imóveis residenciais novos com 2 e 3 dormitórios.

o projeto arquitetõnico foi apontado como o segundo fator decisório na escolha do imóvel, após a localização.

O estudo revela que a maioria dos consumidores compra apartamentos em função do espaço interno (dormitórios, sala de estar, banheiro etc) e a funcionalidade dos mesmos. A possibilidade de mudanças na planta foi muito valorizada pelos clientes, principalmente se existem condições de aumentar a área social ou o banheiro.

Os clientes também exigem o contato prévio com o imóvel, . informações claras sobre condições de pagamento e customização do apartamento. A postura dos profissionais e das empresas envolvidas com o empreendimento também é analisada. Por isso, a parceria com as construtoras é importante.

A preferência por negociar as modificações do projeto e customização do apartamento com a construtora se dá pelo fato das empresas oferecerem condições de financiamento e garantia dos serviços prestados. O que antes era pago quase à vista, hoje pode ser parcelado em anos.

Fonte: Newsletter da ABD setembro de 2007

www.abd.org.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 motivos para NÃO fazer arquitetura