MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Placa mãe com código aberto para habitações de populações carentes

Um projeto open source (ou de código aberto) do escritório CRA-Carlo Ratti Associati em colaboração com a ONG indiana WeRise, o Livingboard , é um módulo de habitação pré fabricado que fornece acesso à infra estrutura básica, de eletricidade a tratamento de água e permite que as pessoas possam melhorar seu modo de morar em regiões carentes.
A placa mãe funciona como um piso de um espaço quadrado de 3x4m que pode fornecer "dependendo da geografia e infraestrutura da região em questão, armazenamento e distribuição de água, tratamento de água por filtração, gerenciamento de resíduos, aquecimento, baterias para acumular eletricidade gerada por energia fotovoltaica e conectividade wi-fi." E também isolamento sísmico, se for necessário.
Usando materiais baratos, é de fácil transporte, podendo ser levada por helicópteros e drones para regiões de difícil acesso. É versátil e permite que as pessoas construam suas próprias casas, de acordo com as suas necessidades e culturas.

 “O movimento Criador mostrou como é empoderador colocar as novas ferramentas de fabricação nas mãos das pessoas. Um desafio importante para os próximos anos será aplicar o mesmo princípio à construção - transferindo a atitude DIY dos Fab Labs para a habitação. Essa é a visão por trás do nosso design para a Livingboard.Carlo Ratti 

Gostaria de saber sua opinião sobre este e outros projetos do blog: sinta-se a vontade para comentar.

Nos siga também nas redes sociais

Twitter Flipboard Facebook Instagram Pinterest

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros