MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Walking City - fascinante video

 

Fiquei absolutamente fascinada acompanhando essa "caminhada" digital pelas visões utópicas da Arquitetura dos anos 60. Referências são mostradas com maestria em uma linguagem quase poética.
O Archigram, em cujas ideias se baseia a animação, foi um grupo de arquitetos  formado na Architectural Association School of Architecture, em Londres, que criou uma série de propostas que brincavam com a tecnologia exatamente para ironizar o seu uso exagerado. É bom recordar que nos anos sessenta a corrida espacial e as propostas tecnológicas eram o auge do sucesso e se imaginava um futuro de carros voadores e viagens interplanetárias para breve. Um dos conceitos, criado pelo arquiteto Ron Herron era o Walking City: "Edifícios inteligentes, que ironizam a ideia da “casa como máquina de viver”.

Linguagens novas de comunicação nem sempre são bem aproveitadas, ou o são à exaustão, trazendo um desnecessário foco na ferramenta, ao invés do conteúdo. Não é o que acontece aqui. As imagens são instigantes e a lenta caminhada de oito minutos se transforma em um exercício de adaptação ao ambiente.  

Parabéns aos idealizadores. Souberam traduzir hoje a ironia de gente que já propunha de maneira divertida a critica à massiva e monótona mecanização da época e propunham o uso da tecnologia como uma porta à criatividade.

universaleverything.com/projects/walking-city/


Walking City from Universal Everything on Vimeo.

Comentários

  1. Muito bacana!

    Elenara, você dá cada descolada...

    ResponderExcluir
  2. Obrigada! Esse realmente foi um achado. E tem mais vídeos bacanas no site do pessoal que fez este daqui. Vale a pena dar uma olhada. Abraços

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Sua opinião é super importante para nós ! Não nos responsabilizamos pelas opiniões emitidas nos comentários. Links comerciais serão automaticamente excluídos

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros