Pular para o conteúdo principal

Oito espaços onde se abrir para o Divino - meditação

Fonte

Nesses nossos dias frenéticos a prática de estar consigo e conseguir criar é cada dia mais necessária. E difícil. Uma das maneiras de se limpar a mente é através da prática da meditação.  

Fonte
 A palavra meditação vem do latim meditare, que significa "voltar-se para o centro no sentido de desligar-se do mundo exterior" e "voltar a atenção para dentro de si". Em sânscrito, é chamada dhyana e é obtida pelas técnicas de dharana (concentração). Na língua chinesa, dhyana tornou-se Ch'anna, termo que sofreu uma contração e tornou-se Ch'an (Zen, em japonês). Em páli, é jhana. Significa "concentrar intensamente o espírito em algo". Fonte

Fonte
Meditar está em geral associado à práticas orientais e à rituais. Mas nem sempre é preciso tanto aparato. Mas se pudermos ter locais especiais onde estar consigo mesmo seja facilitado, o ato da meditação pode adquirir um caráter bem mais prazeroso. Já escrevi sobre isso em Momento Zen e Recanto Zen.   

Fonte
Separei alguns exemplos de construções e espaços internos e externos feitos exatamente para essa prática. Eles primam pela simplicidade, o contato com a natureza e a oferta da possibilidade de estar em contato com o nosso interior, e consequentemente abrir essa porta ao Divino que nos habita. E quem não for religioso e não gostar de usar a palavra divino, use energia interna que se conecta com a energia externa e cósmica. É física. 

Fonte
Esse espaço não precisa ser luxuoso. Muitas vezes bastam toras de madeira que delimitam o espaço. Ou aproveitar um canto no jardim para que esse local não seja permeável à presenças e barulhos que não os da natureza.



Fonte
Local para sentar com algum conforto. Podem ser usadas almofadas ou mesmo futton. Ou ainda cadeira ou sofá confortável. Boa iluminação, de preferência natural. Cores claras também ajudam, mas não são indispensáveis.
Procure usar materiais que transmitam conforto, um bom tapete para que se possa praticar sentado no chão. Um barulho de água corrente também ajuda bastante. Pode usar fontes, se não houver uma corrente natural por perto.

Música ajuda bastante. Em locais mais distantes, pode-se usar o barulho da natureza. Em locais mais urbanos pode-se usar aparelhos que toquem sons propícios. 
Fonte
Em suma, não importa o tamanho do local, importa que ele transmita paz e que possa servir ao seu coração. Crie um local sagrado em sua casa para que sua vida tenha um recanto para se recompor.  


Gostou? Conta para a gente a sua opinião.  

Comentários

Postar um comentário

Sua opinião é super importante para nós ! Não nos responsabilizamos pelas opiniões emitidas nos comentários. Links comerciais serão automaticamente excluídos

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Aproveitando nichos para decorar sua casa ou seu escritório. 

Veja algumas ideias interessantes de como fazer desde pequenos detalhes que enfeitam até aproveitamento de vãos que guardam objetos e auxiliam na organização.

Simplicidade:A elegância mora nos detalhes e na síntese. Um rasgo bem usado, sem maiores excessos, apenas salientado pelo uso de cor e pequeno detalhe em madeira. Atentem para a iluminação nas laterais e em como o rodapé acompanha o rasgo.

10 ideias de almofadas e afins para gateiros

Festas....fiquei aqui arquitetando postagens bem suaves e lindas para esses momentos. Hoje resolvi brindá-los com 10 adoráveis ideias para almofadas, pesos de porta, mobiles e outras utilidades para amantes de gatos.

Nós, os gateiros, somos uma população em ascensão no mundo. Esses seres peludos, cheios de personalidade e amor próprio nos arrebatam. Adoramos mimá-los. E eles adoram que a gente os mime....uma parceria perfeita

1- Petit Pois e gatos. Uma dupla perfeita. Ambos sempre elegantes e cheios de charme! 
2- Mobile. Adoro! Mesmo já crescida, acho que não precisam ser só adorno de quartos infantis (meu lado criança, fazer o que????). Esse aí de cima, por exemplo, achei um mimo. 
3- Quem não ia querer entrar nessa casa tão felinamente convidativa??? Quero um para a minha porta! 
4- Patchwork e gatos!!! Tudo a ver também. lembra borralho, fogo, casa da vó e tudo isso lembra aconchego. E nada mais aconchegante que a figura de um gato, pachorrento, deitado ao pé do fogo. (Gateiros enten…

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

Organizar. Sempre um desafio na hora de planejar móveis e espaços. E um dos locais onde mais precisamos de locais coringas para guardar coisas são nas nossas cozinhas. 
Haja gavetas, nichos, cantinhos que podem ser aproveitados para os mais diversos usos. Separei algumas ideias para inspiração Aproveitando rodapés: Muitos colegas tem optado por fazer os rodapés de armários de cozinha em alvenaria e revestir a frente com pedras ou cerâmicas. É uma solução pratica principalmente pela limpeza e umidade. Mas se sobrar espaço e a opção for usar rodapés, eles podem ser usados para guardar várias coisas. (Confesso que não sei se são o melhor local para guardar vinhos, mas quem sabe...)   Porta trecos e panos de prato: Eles são super práticos porque aproveitam espaços pequenos e estreitos e guardam aquelas coisas meio feias quando ficam à vista. Não recomendo guardar panos de prato úmidos. E esse porta facas abaixo, ao lado do fogão, é super prático!  
Outro exemplo de aproveitamento de canto par…

Fogão a lenha gaúcho

Esse Fogão a lenha gaúcho foi outra proposta interessante que vi na Expoacabamento 2012. Essa foto aí de cima é do folder da empresa e mostra a possibilidade de usa-lo em uma cozinha mais moderna. E ainda pode ser usado como serpentina, esquentando a água. 

Vamos combinar que comida feita em fogão a lenha tem outro sabor. E esses fogões campeiros, sejam gaúchos ou mineiros, tem um baita charme. Mas nem sempre se consegue construí-los em casas ou apartamentos (nesse último não se esqueça que eles necessitam de chaminé).

Outras possibilidades, de alvenaria ou metal. E para quem quer construir um de alvenaria, veja DICAS AQUI







E o açúcar ? Usa ou não na argamassa para evitar rachaduras nas churrasqueiras e/ou fornos? Veja a opinião de especialistas AQUI
Autor : Elenara Leitão