MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Atenas, memórias de uma cidade

Foto Tereza Longhi
Tenho com a Grécia uma ligação desde sempre. Talvez os livros que li - especialmente Monteiro Lobato na infância, fizeram com que eu crescesse admirando e olhando os mitos e deuses como velhos amigos, daqueles que a gente ouve histórias e conhece as traquinagens. Péricles, Aspásia, Sócrates e os semi deuses eram meus companheiros de imaginação. Imaginem então minha alegria quando estive pela primeira vez na Grécia! Meu olhar de admiração para as ruínas do Partenon, o usar dracmas para pagar despesas e andar pelos mesmos caminhos de tantos sábios antes me fizeram delirar.

Por isso saber mais e mais sempre me encanta. E falar de arquitetura sem citar a Grécia é praticamente impossível. Já falei sobre a isonomia grega e sobre os templos gregos, especialmente o de Apolo, assuntos de outros almoços no Studio Clio.

Esse almoço Clio falou sobre Atenas, memória de uma cidade e teve como palestrante Francisco Marshall. A gastronomia ficou a cargo de Leonardo Magni e Liliana Andriola

Atenas foi o epicentro da maior revolução cultural da história da humanidade, no século V a.C., era trágica, apogeu da democracia e do iluminismo grego. Neste Almoço Clio, atividade do ClioTur Grécia 2014 - Ao encontro de Dioniso, o prof. Dr. Francisco Marshall apresentou a formação e o desenvolvimento da cidade, suas áreas, arqueologia, marcos, monumentos e principais realizações.

Cardápio
Entrada
Salada de grão de bico, tomate cereja e alho-poró 


Principal
Keftedes (almôndegas) ao molho de iogurte e couscous de tâmara e bacon



Sobremesa
Torta de ricota e m
el




Na verdade acho absolutamente fascinante que ainda hoje a influência de uma sociedade de milênios atrás se faça tão presente em nossas vidas. Creio que é esse o valor da História, aprender sobre pessoas que pensaram e fizeram em tempos tão distantes. E construíram valores, prédios, concepções e filosofias tão ricas que permanecem hoje como marcos e tesouros de uma era de ouro. 

 O urbanismo grego é representado pela força de suas cidades. Atenas começa sua era de ouro arquitetônicamente falando em torno do século V, sob o comando de Péricles que contrata arquitetos e artistas para erigir aqueles que seriam os prédios mais emblemáticos da civilização helena: o Pártenon e seu conjunto na acrópole ateniense. Veja no vídeo abaixo maiores informações sobre a história de Atenas.   

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros