Estúdio com 30m2 tem construção econômica e resultado belo

Imagem
O  BAAQ  é um escritório de arquitetura mexicano que desenvolveu este projeto para um estúdio de descanso, o Chiapas Studio. Os requisitos eram economia na construção e manutenção. O resultado ficou muito interessante.  Com cerca de 30 m2 a construção aproveita a ventilação natural e como a região tem verões quentes, aproveitam a grande cobertura em bambu para criar uma varanda coberta para ser usada nos dias quentes. Para os dias frios, a parte inferior, com paredes de painéis de cimento e poliestireno de alta densidade, abriga como sala de estar.

De velho estábulo em casa charmosa e sustentável

Nada como uma casa de campo. Pau a pique e sapê, como na música. E se der para reformar um velho estábulo e transformá-lo em uma linda e charmosa casa de campo, aproveitando a natureza exuberante da Extremadura, ainda melhor. Pois foi o que fez a equipe da Abaton Architects e ganhou um prêmio em sustentabilidade pelo projeto. 
 O estábulo original estava bem deteriorado e pouco foi aproveitado na verdade. Se usou a mesma orientação e materiais originais, mesclando com pilares metálicos no interior em função da nova necessidade de espaços. Uma mistura bem feita de materiais mais modernos com as pedras e madeiras antigas.
 O local distante de infra estrutura em água e energia, levou ao uso de energia fotovoltaica e turbinas aproveitando os córregos de água perto para gerar energia hidroelétrica. Além disso o projeto aproveitou a orientação solar original que já era benéfica para aquecer a casa no inverno e o uso de um bom beiral que garante um conforto térmico no verão.
O projeto foi sábio em reformar usando os pontos fortes do projeto original e acrescentando toques de tecnologia moderna que o tornaram mais resistente e fazendo grandes rasgos que usam os vidros como grandes cristaleiras que deixam a luz do sol entrar, aquecer e tornam o ambiente agradável e não dependente de aquecimento que gere gasto energético. A noite, as grandes vedações em madeira agem como uma segunda pele, retendo o calor dentro de casa.

Uma casa de campo. Um projeto que respeita a antiga sabedoria de construir. Um projeto que mescla preocupação sustentável com sustentabilidade afetiva e carinho pela natureza.


Fotografias: Abaton Arquitetura e Belen Imaz
Fonte


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros