E qual é a sua versão ?

Imagem criada por Elenara Stein Leitão no Polyvore

Cada vez mais a verdade é uma versão. Antigamente, (pelo menos quando eu era pequena) as verdades costumavam ser buscadas em enciclopédias. Elas eram críveis para nós, que as buscávamos em um mundo que mudava bem mais devagar. A minha confiança em jornais e livros se abalou quando morava em Brasilia. Época da Ditadura militar, censura de imprensa. Comecei a comparar o que sabia estar acontecendo e o que saia nos jornais. Devia ter uns 14 anos, mas me lembro bem do sentimento de que nem tudo o que se lê nas manchetes é o que realmente acontece. Depois me surpreendi com uma versão da nossa história lida em um pais vizinho onde nossos heróis eram vilões. E compreendi que a versão depende do lado de quem vive a história.

"Quem controla o passado, controla o futuro: quem controla o presente controla o passado. E no entanto passado, conquanto natureza alterável, nunca fora alterado. O que agora era verdade era verdade do sempre ao sempre. Era bem simples." George Orwell

E hoje, com a Google, com a disseminação de qualquer coisa em forma viral, onde influencers viram celebridades da noite para o dia, como saber o que é verdade ? Existe a verdade ? Ou existem versões conforme o viés de quem a conta ?

"...Essa era a sutileza derradeira: induzir conscientemente a inconsciência, e então, tornar-se inconsciente do ato de hipnose que se acabava de realizar." George Orwell

Pesquisas ditas cientificas e chanceladas por n institutos servem de apoio a patrocinadores e seus interesses. A imprensa é uma indústria, depende de anúncios e consequentemente também a interesses de quem paga. Ou de quem é dono dos órgãos de comunicação. As tendências são lançadas de acordo com interesses. Se hoje usamos laranja nas roupas e/ou paredes ou se consumimos produtos x ou y, em algum local isso foi muito bem planejado e orquestrado. E cada dia somos mais marionetes de um mundo governado pelos reais Big Brothers.

Cada vez se faz mais necessário achar fontes confiáveis e com credibilidade. Nos livros, na vida, no Google...

Texto escrito em 2012 e que continua, infelizmente, muito atual em um mundo de narrativas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

10 ideias para adiantar o Natal

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

10 ideias de almofadas e afins para gateiros