MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Arquitetando sonhos

A gente tem que sonhar, senão as coisas não acontecem.
Eu, que vivo de realizar sonhos alheios, as vezes (muitas) me esqueço dos meus. Recebi esses dias um e-mail de uma prima muito querida. E ela me falava de uma coisa linda : arquitetar sonhos. Planeja-los, sonhar com eles....deixo com vocês (e comigo) suas palavras. Obrigada Heloísa por me recordar

....vou te contar umas estorinhas...
Há pelo menos uns 15 anos passava em determinado lugar,  olhava e dizia:
- Essa é a vista de 1 milhão de dólares! Um dia vou construir uma casinha para mim aqui, plantar um pé de goiabeira, outro de laranjeira, um tomateiro...
E por aí ia...
A cada dia que passava, olhava, suspirava, sonhava...

15 anos se passaram entre suspiros e sonhos!
Um dia, num belo dia de sol, comprei meu apartamento no local.
Bem certo que não tenho a vista de 1 milhão de dólares, mas tenho U$ 500 mil: um pedacinho do lago, que admiro todas as manhãs, sentada na varanda, no meio dos beija flores!
Há quase trinta anos sonhava com um apartamento menor, de dois quartos, com varandas!
Outro dia, fazendo limpeza nos armários da garagem, vi minha agenda velha, dos idos anos 80, com recortes de jornais com anúncios de apartamentos de dois quartos com varandas...
Passei os últimos dez anos olhando carros... qual eu compraria?
Tantas as marcas, os tipos, as cores...
Toda vez que eu olhava um bonito, ia ver a marca e lá estava ele!
Assim se passaram os anos...pelo menos uns dez!
Olhava, achava bonito, ia ver a marca e lá estava ele!
Semana retrasada, entrei numa loja, achei mais uma vez bonito, entre tantos outros, e hoje ele está lá, na minha garagem.
Sonhos são a mola propulsora do nosso eu... uns, de consumo, outros de amor, alguns de realizações...não importa!
O importante é sonhar!
Esse é o primeiro passo para um dia sentir o que hoje eu sinto!
Agora pouco ( levantei cedo... 6 h... ) abri a porta que dá para a varanda de meu quarto e meus beija flores estavam lá, bicando as amarelas, vermelhas e azuis do jardim...

Qual vai ser meu próximo sonho?....

Quem sabe?...


E o seu?
 


Comentários

  1. adorei o post, me fez relembra de alguns sonhos que tinha quando era mais jovem, alguns já realizados que se for analizar nem dou tanto valor hoje,que sei o que realmente é importante para mim, outros que sonhei tanto e aconteceu de maneira tão diferente, mas mil vezes melhor do que podia imaginar, hoje agradeço por isso! e é claro continuo sempre sonhando!
    bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Sua opinião é super importante para nós ! Não nos responsabilizamos pelas opiniões emitidas nos comentários. Links comerciais serão automaticamente excluídos

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 motivos para NÃO fazer arquitetura