MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Esboços de Arquitetos - Archidoodle - O livro

Por mais que os meios de expressão digitais tenham se imposto ao afazer arquitetônico, o desenho a mão livre ainda é ferramenta essencial do arquiteto. É pelos esboços ou croquis rabiscados com maior ou menor pressa que as ideias se concatenam e as intenções e conceitos dos projetos vão se solidificando.

Duvido algum estudante ou profissional que não tenha um moleskine, um caderno ou várias folhas rabiscadas com as mais variadas ideias que vão se arquitetando em suas mentes.

Revisando meus cadernos de graduação (sim, eu guardo alguns) eles estão cheios de esboços os mais diversos. É lembrança de muitos colegas mais antigos os projetos que nasceram em guardanapos de bar, em plenas noitadas entre bate papos, debates culturais e políticos e regados à prazeres etílicos. 

Eu gosto muito de pesquisar os skteches de arquitetos famosos. Aprendo muito sobre eles e seus processos vendo os seus esboços. 

E se desenhar assim já é um prazer, que dirá ter em mãos um livro que além de permitir desenhar, ainda ensina noções de estruturas e conceitos de Arquitetura? Foi o que senti com o Archidoodle - o livro de esboços do arquiteto.

Aparentemente um livro de desenho. Mas mais que isso. De maneira divertida vai instigando a criatividade com uma série de exercícios que permitem nossas mentes criativas voarem.
Desde pensar em novas terminações de grandes e icônicos prédios até conhecer vários tipos de coberturas e tentar imaginar que outras possibilidades seriam possíveis.
 As clássicas casas da árvore também são contempladas.

“Este não é um livro sobre como desenhar edifícios, mas sim sobre o que desenhar, e deve ser tratado como um registro pessoal, um caderno de esboços, ou mesmo como base para a criação do seu portfólio […] mas, acima de tudo, deve ser uma grande diversão trabalhar com ele”.  Steve Bowkett arquiteto e professor
 Archidoodle : O livro de esboços do arquiteto


Gostou? Tem alguma sugestão?  

Comenta e conta para a gente a tua opinião. 
Nos siga também nas redes sociais

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 ideias de almofadas e afins para gateiros