Pular para o conteúdo principal

Se virando para fazer o bem


Voltando de uma semana em Florianópolis onde passei três dias assistindo o seminário Social Good Brasil.

Vários palestrantes nos brindaram com suas experiências. E era muito bacana ver como isso repercutia nas redes sociais, através da fala da Samantha.  
No Lounge da Imprensa, os blogueiros faziam um trabalho intenso, replicando as informações que chegavam por um video ou pelas telas de seus notes ou  tablets. Se quiser saber mais veja alguns vídeos AQUI e Slides AQUI

Alguns dos sites muito interessantes que descobri (ou redescobri) por lá


Reinaldo Pamponet
Uma das palestras bem legais que assisti foi a do Reinaldo Pamponet do ItsNOON. Bem humorado ele nos falou do conceito que chama de Sevirologia

SEVIROLOGIA vem do SE VIRAR. Coisa que a gente aprende desde pequeninho para sobreviver.Veja a definição no site do ItsNOON

 "Ser Sevirólogo é ser cada vez mais quem você é, encontrando sua sabedoria para fazer o melhor que você pode com o que você tem. Quando “nos viramos” munidos dos meios de produção, mudamos de perspectiva e passamos a acreditar no que somos capazes de fazer. É dentro dessa visão que consideramos a Sevirologia como sendo composta de dois aspectos que andam juntos: o auto (estímulo) didatismo e o alter (ambiência/rede) didatismo, já que o Sevirólogo é aquele que aprende por si só, mas também junto com os outros."
E é essa conexão interativa, esse aprender a ser novo, a unir a nossa potencialidade com a potencialidade do outro que foi o grande mote do seminário. Tecnologias estão aí para nos ajudar a viver melhor. Mas elas em si são apenas instrumentos. O que faz diferença é quem está por trás, o que lhe move. E é só ver a cara feliz dos blogueiros amigos aí de baixo para sentir o quanto o estar juntos acrescenta. Aliás foi o que disse um dos palestrantes: é muito mais salutar e produtivo reunir de vez em quando as pessoas em um ambiente criativo, bonito e saudável. Podemos interagir via web, mas nada substitui ainda o face to face. 
Fotos Elenara Stein Leitão em cobertura colaborativa do seminário

Comentários

  1. Elenara,

    Nada susbstitui o Face to Face,
    Isso mesmo!
    Lembrei do Círculo Virtuoso.

    Excelente Semana!

    Beijinhos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Sua opinião é super importante para nós ! Não nos responsabilizamos pelas opiniões emitidas nos comentários. Links comerciais serão automaticamente excluídos

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Aproveitando nichos para decorar sua casa ou seu escritório. 

Veja algumas ideias interessantes de como fazer desde pequenos detalhes que enfeitam até aproveitamento de vãos que guardam objetos e auxiliam na organização.

Simplicidade:A elegância mora nos detalhes e na síntese. Um rasgo bem usado, sem maiores excessos, apenas salientado pelo uso de cor e pequeno detalhe em madeira. Atentem para a iluminação nas laterais e em como o rodapé acompanha o rasgo.

10 ideias de almofadas e afins para gateiros

Festas....fiquei aqui arquitetando postagens bem suaves e lindas para esses momentos. Hoje resolvi brindá-los com 10 adoráveis ideias para almofadas, pesos de porta, mobiles e outras utilidades para amantes de gatos.

Nós, os gateiros, somos uma população em ascensão no mundo. Esses seres peludos, cheios de personalidade e amor próprio nos arrebatam. Adoramos mimá-los. E eles adoram que a gente os mime....uma parceria perfeita

1- Petit Pois e gatos. Uma dupla perfeita. Ambos sempre elegantes e cheios de charme! 
2- Mobile. Adoro! Mesmo já crescida, acho que não precisam ser só adorno de quartos infantis (meu lado criança, fazer o que????). Esse aí de cima, por exemplo, achei um mimo. 
3- Quem não ia querer entrar nessa casa tão felinamente convidativa??? Quero um para a minha porta! 
4- Patchwork e gatos!!! Tudo a ver também. lembra borralho, fogo, casa da vó e tudo isso lembra aconchego. E nada mais aconchegante que a figura de um gato, pachorrento, deitado ao pé do fogo. (Gateiros enten…

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

Organizar. Sempre um desafio na hora de planejar móveis e espaços. E um dos locais onde mais precisamos de locais coringas para guardar coisas são nas nossas cozinhas. 
Haja gavetas, nichos, cantinhos que podem ser aproveitados para os mais diversos usos. Separei algumas ideias para inspiração Aproveitando rodapés: Muitos colegas tem optado por fazer os rodapés de armários de cozinha em alvenaria e revestir a frente com pedras ou cerâmicas. É uma solução pratica principalmente pela limpeza e umidade. Mas se sobrar espaço e a opção for usar rodapés, eles podem ser usados para guardar várias coisas. (Confesso que não sei se são o melhor local para guardar vinhos, mas quem sabe...)   Porta trecos e panos de prato: Eles são super práticos porque aproveitam espaços pequenos e estreitos e guardam aquelas coisas meio feias quando ficam à vista. Não recomendo guardar panos de prato úmidos. E esse porta facas abaixo, ao lado do fogão, é super prático!  
Outro exemplo de aproveitamento de canto par…

Fogão a lenha gaúcho

Esse Fogão a lenha gaúcho foi outra proposta interessante que vi na Expoacabamento 2012. Essa foto aí de cima é do folder da empresa e mostra a possibilidade de usa-lo em uma cozinha mais moderna. E ainda pode ser usado como serpentina, esquentando a água. 

Vamos combinar que comida feita em fogão a lenha tem outro sabor. E esses fogões campeiros, sejam gaúchos ou mineiros, tem um baita charme. Mas nem sempre se consegue construí-los em casas ou apartamentos (nesse último não se esqueça que eles necessitam de chaminé).

Outras possibilidades, de alvenaria ou metal. E para quem quer construir um de alvenaria, veja DICAS AQUI







E o açúcar ? Usa ou não na argamassa para evitar rachaduras nas churrasqueiras e/ou fornos? Veja a opinião de especialistas AQUI
Autor : Elenara Leitão