Pular para o conteúdo principal

Os livros e a Praça

Todo final de ano o ritual se repete. A Praça da Alfândega em Porto Alegre se apronta para mais uma invasão popular. É a Feira do Livro, uma tradição da cidade desde 1955. Eu ia desde pequena, ansiosa por andar no meio de suas barracas, folhear os livros...

Foto Elenara Stein Leitão
Esse ano a Praça está em reformas que vão lhe restituir características originais tais como: piso de pedra portuguesa, iluminação e exposição de um sitio arqueológico, encontrado pelo Projeto Monumenta, que será ressaltado com um painel explicativo.

Como as obras ainda não terminaram, a 56ª Feira do Livro sofreu uma alteração no seu traçado. Uma passarela liga as barracas da  Rua da Praia ao restante da Praça. E é de certa forma bastante interessante passar e ver as pessoas trabalhando. E ler as poesias expostas de forma criativa em paineis de aglomerado.
Foto Elenara Stein Leitão
Mas há quem estranhe e não goste desse cercamento provisório da Praça em sua Feira mais tradicional. Veja AQUI opiniões das pessoas a respeito.
Foto Elenara Stein Leitão
No interior da Praça são dispostas variados setores. E em cada um deles é uma festa ! Pessoas garimpando nos já tradicionais balaios, onde pode-se descobrir algum tesouro por preços módicos ( R$ 1,00, R$5,00, R$ 10,00...). Essa é uma das coisas que mais gosto de fazer. Eu e a maioria das pessoas. Mas também se encontram lançamentos do momento, livros técnicos e mais alguns outros que a gente vê numa barraca de uma universidade, jornal ou livraria que não costuma frequentar.
 
E quando se está cansado pode-se tomar um delicioso café no Bistrô do Margs, junto aos livros e respirar cultura. 



Foto Elenara Stein Leitão
De uns anos para cá a Feira foi provida de proteção de lonas porque uma das tradições locais é que sempre chove em dias de Feira...

É um tempo em que a Praça deixa de ser de poucos para ser de muitos. Gente que passeia, gente que folheia.Gente que lê. Cercada pelas lindas árvores centenárias, pode-se ainda ver uma exposição no belo edificio do Santander Cultural ou nos prédios gêmeos do Memorial do Rio Grande do Sul e do MARGS. Ou simplesmente ouvir uma boa música enquanto espera o autográfo de um lançamento,ou participar ainda de um painel ou de uma maratona de contação de histórias.



Foto Elenara Stein Leitão

Comentários

  1. Estou pensando seriamente em ir a feira!

    ResponderExcluir
  2. Vá mesmo, é sempre um sopro de cultura. Eu não perco, todo ano bato o ponto.
    Abraços

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Sua opinião é super importante para nós ! Não nos responsabilizamos pelas opiniões emitidas nos comentários. Links comerciais serão automaticamente excluídos

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Aproveitando nichos para decorar sua casa ou seu escritório. 

Veja algumas ideias interessantes de como fazer desde pequenos detalhes que enfeitam até aproveitamento de vãos que guardam objetos e auxiliam na organização.

Simplicidade:A elegância mora nos detalhes e na síntese. Um rasgo bem usado, sem maiores excessos, apenas salientado pelo uso de cor e pequeno detalhe em madeira. Atentem para a iluminação nas laterais e em como o rodapé acompanha o rasgo.

Transparência e estrutura em madeira na nova loja da Apple na Tailândia

Uma grande árvore em madeira cercada por um fechamento em vidro é a aparência da maior loja da Apple na Tailândia. Projetada pelo renomado estúdio de Foster + Partners foi inaugurada em julho de 2020, em plena pandemia.

Batizada de Apple Central World, a loja tem um diâmetro de 25 metros e sua forma foi gerada por uma curva de Bezier 360 °, uma curva paramétrica usada em computação gráfica. Veja AQUI mais detalhes de como foi feito.

Todos sabemos que a Apple segue o conceito de se diferenciar em inovação e as suas lojas representam esse modo de se posicionar no mercado. Na nova loja asiática são usados 1461 perfis de carvalho branco europeu no revestimento da coluna de suporte do telhado. 


A aparência interna é de um grande tronco que sustenta a copa de madeira em balaço. Uma escada de aço inoxidável serve de conexão para os andares. O prédio tem um fechamento totalmente envidraçado o que permite a visão da cidade e a transparência externa para quem vê o prédio que se mostra e convida ao…

Wave House, debruçada na encosta como ondas no mar

Por onde se olha só se vê "cachotinhos" na Arquitetura. Emoldurados com vários materiais, porta gigantesca, uma que outra mudança, mas na forma quase tudo igual. Cansa, né. Talvez por isso esse projeto todo personalizado tenha me chamado a atenção. É único. Não obedece muitas fórmulas, aproveita uma vista maravilhosa no Rio de Janeiro e se debruça sobre o mar como ondas, a sua inspiração. Projeto de Mareines Arquitetura e Patalano Arquitetura

Um terreno estreito e magnifico, um projeto que aproveita a vista e usa a complexidade da cobertura de vigas curvas de madeira laminada para proteção contra o sol. Pilares de aço galvanizado suportam as vigas. 


Os espaços internos se estendem por quatro pavimentos, belamente decorados e unidos por escadas e elevador, quase todos privilegiando a vista sobre o mar e garantindo a privacidade dos moradores.


Gosto das soluções arquitetônicas que realmente se debruçam sobre o programa, sobre o terrenos e os condicionantes e vai além da receita d…

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

Organizar. Sempre um desafio na hora de planejar móveis e espaços. E um dos locais onde mais precisamos de locais coringas para guardar coisas são nas nossas cozinhas. 
Haja gavetas, nichos, cantinhos que podem ser aproveitados para os mais diversos usos. Separei algumas ideias para inspiração Aproveitando rodapés: Muitos colegas tem optado por fazer os rodapés de armários de cozinha em alvenaria e revestir a frente com pedras ou cerâmicas. É uma solução pratica principalmente pela limpeza e umidade. Mas se sobrar espaço e a opção for usar rodapés, eles podem ser usados para guardar várias coisas. (Confesso que não sei se são o melhor local para guardar vinhos, mas quem sabe...)   Porta trecos e panos de prato: Eles são super práticos porque aproveitam espaços pequenos e estreitos e guardam aquelas coisas meio feias quando ficam à vista. Não recomendo guardar panos de prato úmidos. E esse porta facas abaixo, ao lado do fogão, é super prático!  
Outro exemplo de aproveitamento de canto par…