Publicidade

Postagem em destaque

10 Lições que aprendi na faculdade de Arquitetura

Recebo algumas correspondências falando de como os leitores gostaram dessa ou de outra postagem aqui do blog. E sempre fico super feliz! É ...

2012/05/30

Eco casamento

Fonte
Dia dos namorados chegando e me lembrei das cerimônias de casamento. Mulher meio que associa amor a casamento, não é mesmo ? Mas o assunto está na pauta do dia, cada dia surgem mais e mais posts e matérias em revistas, jornais e TVs falando sobre todo tipo de festa, todos os temas. E eu já tinha sugerido para minha cunhada que fizesse um casamento assim meio sustentável, uns anos atrás. Meio sustentável porque para fazer uma festa que reúna umas cem pessoas sempre gera um gasto energético, de papel, de combustível e principalmente dos neurônios e bolsos das pessoas afetadas. Então porque não simplificar e buscar dentro dos conceitos básicos da sustentabilidade algumas dicas para uma festa bacana?  


Reduzir : Li num site por aí uma sugestão bem boa. Ao invés de mandar convites, use a internet e faça tudo virtual. Mas se for muito difícil opte por convites com material reciclável 


Reutilizar: Ou faça convites que possam ser reaproveitados: um calendário ou marcador de livros. Ou ainda pegue postais antigos e marque com adesivos os dizeres, tudo isso de forma personalizada para cada convidado....
Outra ideia é reutilizar o vestido ou véu da mãe e avô, ou de alguma amiga. 


Reciclar: Utilizar materiais recicláveis na decoração e até na roupa. Why not ?


Vejam aqui algumas ideias de decoração e até de vestido de noiva feito de materiais recicláveis. Uso de flores da estação e colhidas em locais perto da cerimônia também ajudam.
Fonte


Luminárias feitas com garrafas usadas podem ser usadas para iluminar a festa.
Abaixo outros exemplos de uso de materiais simples de forma criativa por uma empresa de eventos sustentáveis.  
Fonte

Fonte

Fonte
E até um vestido de noiva feito em garrafas recicladas, e com toda a pompa e majestade que uma noiva merece. Exagero, até pode ser, mas fica a ideia. Pense em soluções que poupem recursos. Seu bolso e o planeta agradecem.  
Fonte





 E quem casa..quer casa. Mas esse já é assunto para outro post. 
Fonte

Comentários
0 Comentários

Publicidade

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More