MG08 habitação flexível

Imagem
Habitar uma casa movimenta uma série de sonhos e emoções. Possuir uma casa evoca ancestrais desejos de segurança. Mas nem sempre as necessidades permanecem as mesmas. As situações de fora e de dentro se modificam e pedem espaços que sejam flexíveis. A Maria Guerrero, também conhecida como MG08 em Madri, projetada pelo Studio Burr , foi pensada para ser uma habitação que possa ser transformada de acordo com essas novas necessidades dos moradores.   María Guerrero é uma casa que nasceu dividida em duas. Para poderem arcar com os custos de aquisição e construção, os habitantes deste empreendimento iniciam a sua vida neste espaço ocupando metade da casa e alugando a outra metade como habitação independente. Apesar da narrativa interessante, me pareceu muito com essas casas geminadas onde se coloca uma parede no meio, que pode ser removível se houver interesse em unir os espaços. Algo que já vem sendo usado e que, com um nome interessante, chama mais a atenção.  Segundo o site dos arquiteto

Ideias para cantinhos de leitura infantis

Pequenos leitores sabem da importância de ter um cantinho especial para fazer desse hábito um prazer ainda maior. Tenho para mim que ler é algo que se aprende por osmose, por exemplos e que depois vamos consolidando com a oferta de boas opções de leitura. Sim, porque ler coisa ruim não fortalece em nós o desejo de continuar a ler. Ainda mais em uma época de tantas ofertas digitais em que o áudio visual dos tablets e celulares são tão fantásticos que podem colocar os velhos e bons livros de papel para escanteio.
Por isso a criação de cantinhos para exercer essa magia é tão interessante. Oferecer locais onde os livros e revistas possam ser armazenados bem ao alcance das mãos e olhos dos pequenos. Uma boa luz, seja natural de dia, seja artificial a noite, é fundamental para que o ato de ser seja sempre confortável. E um bom local para sentar, seja em uma cadeira rede, seja em almofadas confortáveis no chão.
Acho bem bacana a ideia de ter um local especial porque reveste o ato de ler com uma magia de ritual, ali é o local do livro, ali se toma um tempo da vida para mergulhar nas letras, para viajar para dentro da imaginação do autor e criar dentro da nossa um mundo que é simbiótico com o dele, mas é todo nosso. Quem lê sabe do que falo.

Sejam minimalistas, seja mais acumuladores, os espaços ofertados aos pequenos devem ter em comum o aconchego, o conforto, a luminosidade, a magia! 
E uma ideia pratica é aproveitar os vãos de escada para fazer esse cantinho de leitura. O importante é que seja pensado nos pequenos e em como eles possam aprimorar o gosto da leitura. E para levar em conta a questão da segurança, super importante em todo espaço infantil, veja algumas dicas AQUI.

Fonte das imagens Pinterest e Google

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 motivos para NÃO fazer arquitetura