8 Tiny cabanas para inspirar sua alma

Imagem
Na esteira das mudanças de anseios pelas quais passa a humanidade, vemos o incremento das chamadas " tiny houses ". Tiny vem do inglês muito pequeno, e assim foram batizaram casas ou cabanas com pouquíssimo espaço e muito aproveitamento. Seja para casas de veraneio, espaço de trabalho ou mesmo para residir, a experiência de viver apenas com o indispensável, parece ser das tendências mais interessantes dos tempos atuais. Até porque contrapõem de maneira bastante enfática toda uma sociedade de excessos em consumo e usos. Separei aqui 8 exemplos de tiny cabanas que são altamente inspiradoras para alimentar essa ideia de forma prática. Muitas delas são vendidas como forma pré-fabricada.  A primeira delas é  aVOID . Com 8 metros quadrados, o jovem arquiteto Leonardo di Chiara projetou uma pequena casa, inspirada em barcos de sua infância.   Pode ser acoplada a um trailer e, por meio de dobragens consegue múltiplas possibilidades de uso. E ainda conta com um mirante/janela na parte

Esse dinamarquês...

Escritório Bejark Ingels do dinamarquês do mesmo nome já teve suas histórias contadas AQUI

Esse jovem arquiteto vem dinamizando e ousando, e por isso mesmo polemizando, na Arquitetura com as suas propostas mais do interessantes e suas ideias de que a Arquitetura tem que ser ensinada em sala de aula para as crianças, no que concordo com ele. Espaço é algo muito nobre e versátil que deve ser mostrado em todas as suas facetas para que a população possa usufruí-lo e exigir qualidade. Mais qualidade. 



The Danish Maritime Museum

Fonte
E particularmente acho interessante essa proposta para um centro empresarial em Taiwan, o Tek Building

Ele permeia o espaço público e privado, entremeando o volume simples de um cubo, mas abrindo-o de tal maneira que passa a ser quase transparente. É como se partes do cubo fossem uma grande praça a ser invadida e usada pela população. 

Essa proposta carrega em si uma ponta de irreverência na atual tendência de proteção dos centros empresariais e brinca com a possibilidade dos espaços serem  uma mescla de atividades público-privadas. Gostei bastante. 









Yes is More from Thorsten Dreijer on Vimeo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ideias de como usar nichos para decorar seus espaços

Gavetas e detalhes que fazem diferença na cozinha

10 motivos para NÃO fazer arquitetura