Publicidade

Postagem em destaque

10 Lições que aprendi na faculdade de Arquitetura

Recebo algumas correspondências falando de como os leitores gostaram dessa ou de outra postagem aqui do blog. E sempre fico super feliz! É ...

2013/10/22

Estimulando as crianças com os espaços

Criança merece de nós, profissionais do espaço, uma atenção muito especial. Criança precisa de estímulos para desabrochar, para deixar sua criatividade natural florescer, se deixar sair. Na verdade todos nós precisamos, mas as crianças estão talvez mais abertas que a maioria dos adultos e não precisam de espaços caretas e pensados pelos e para os adultos.

Um tapete que seja um jardim. Quem de nós não adoraria brincar em um local assim? Só cuide se houver alergia, aí seria interessante um material que permita uma limpeza mais efetiva e que não junte ácaros.
Paredes de estímulos táteis são um fantástico campo de descobertas e não são difíceis de fazer. Assim como os mapas e mesmo um universo de descobertas que pode ser feito com pintura magnética e planetas em feltro ou mdf pintado e com um ímã. Grandes lições sobre como funciona o mundo, a atração dos planetas pode ser feito em uma simples parede.  
Uma parede do quarto ou do local de brinquedos (para quem os tem) pode abrigar um espaço de aprendizado bem interessante com um quadro negro (ou verde), espaço para exposição das obras de arte feitas e caixas para os materiais. Um modelo bem bacana e simples de fazer está na figura abaixo.
E falando em quadro negros, que tal se eles forem feitos de modo criativo? Tanto pode ser uma pintura com adesivos por cima, como podem ser pedaços de mdf pintados e colados em uma parede colorida. As crianças agradecem o carinho!
Construir uma casinha também pode ser um exercício super importante para o conhecimento e apropriação do espaço. Há várias maneiras de construir móveis e é legal que as crianças participem do processo de criação. Pode-se trabalhar com elas a noção de escala, de harmonia, de relação entre objetos.
Uma árvore que abrigue um mobile de origamis permite variados estímulos. Desde a brincadeira lúdica de lidar com formas, cores e volume. Entender a relação entre as duas e três dimensões, praticamente uma tela de 3D sem precisar de óculos!
As possibilidades são infinitas e podem ser feitas em companhia das crianças. Pedir a elas que desenhem e descrevam seu mundo, como gostariam que fossem seus quartos e casas pode revelar possibilidades muito, muito bacanas! 

Fonte das imagens

Leia mais postagens sobre crianças AQUI

Comentários
1 Comentários

Publicidade

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More