Publicidade

Postagem em destaque

10 Lições que aprendi na faculdade de Arquitetura

Recebo algumas correspondências falando de como os leitores gostaram dessa ou de outra postagem aqui do blog. E sempre fico super feliz! É ...

2013/06/23

Buscando respostas no passado



Estava lendo essa matéria sobre a busca de tecnologias no passado, especificamente o concreto romano

"O concreto romano, fabricado há mais de 2.000 anos, continua sustentando estruturas, sem sinal de deterioração, enquanto o concreto moderno mostra sinais claros de degradação apenas 50 anos depois de sua fabricação.

Segundo a equipe, o segredo está em um composto altamente estável, conhecido como silicato hidratado de cálcio e alumínio. É esse composto que dá liga ao concreto romano, que foi usado para construir algumas das estruturas mais duráveis do mundo ocidental. O processo de fabricação do concreto romano também era muito menos danoso ao meio ambiente do que o atual."


Impossível não pensar em quanto perdemos na nossa vida atual ao olhar sempre para frente e não debruçar um olhar crítico, analítico e pesquisador sobre soluções do passado. Na Arquitetura antiga são inúmeros os prédios que são exemplos de adaptação ao meio, de sustentabilidade, de tecnologia bem aplicada. Veja AQUI um desses exemplos. Um dos componentes que eles tinham em vantagem sobre nós era o tempo. O tempo hoje nos atrapalha em sua sofreguidão, nos faz menos reflexivos. As respostas são para ontem, as questões são sempre novas, a experiência é delegada a um segundo plano em função da inovação. 

Olhar a história nos faz descobrir que as soluções podem já ter sido descobertas e testadas. Olhar a história nos faz ter um pouco de humildade de ver que somos parte de um processo bem maior do que sonha nossa vaidade do momento. Nem sempre inventamos a roda. Alguém pode ter feito isso antes e olhar a sua experiência algumas vezes nos faz errar menos no presente. 

Curta no Facebook  Assine no Flipboard 

Comentários
1 Comentários

1 Opiniões:

Texto muito bom e reflexivo, obrigado.

Publicidade

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More